You are currently browsing the tag archive for the ‘arte’ tag.

Os únicos objetos que parecem destituídos de fim são os objetos estéticos, por um lado, e os homens, por outro. Deles não podemos perguntar com que finalidade? Para que servem? Pois não servem para nada. Mas a ausência de fim da arte, tem o ‘fim’ de fazer com que os homens se sintam em casa no mundo.

Hannah Arendt

Anúncios

A arte dissipa o sofrimento
fazendo sofrer de outras maneiras.

Dores sobrepostas:
fica a última.